O Stress excessivo e o Mau hálito (ou Halitose).

10 de Maio de 2012

O Stress excessivo e o Mau hálito (ou Halitose).

Mau hálito pode estar relacionado a stressO stress (ou estresse) pode causar a halitose por facilitar a hipoglicemia, pois acelera o metabolismo, fazendo que as reservas de energia do organismo sejam consumidas mais rapidamente.

O stress também pode provocar o mau hálito indiretamente, por propiciar uma diminuição na produção de saliva (hipossalivação). Com menos saliva, podem aparecer a saburra lingual, gengivite e periodontite (doenças da gengiva), e os cáseos amigdalianos, causas importantes e frequentes da halitose.

O stress pode também levar a inúmeras doenças que podem provocar o mau hálito como o herpes, diabetes, etc., ou outras doenças que necessitarão de medicações que agravarão ainda mais a hipossalivação, facilitando o aparecimento da halitose.

O controle do stress excessivo é uma importante medida para prevenir o mau hálito. Para o controle do stress é necessário uma rotina de exercícios físicos regulares, uma alimentação balanceada, ter uma rotina de relaxamento (fazer algo que dê prazer e relaxe) e identificar e aprender a lidar com os fatos ou eventos que geram o stress. Além de evitar a halitose, estas medidas trarão uma melhor qualidade de vida e uma maior proteção, não só contra o mau hálito, como também com relação a inúmeras doenças.

No tratamento da halitose, quando o Paciente está com stress excessivo, sempre fornecemos um guia com orientações para ajudar o Paciente a controlar o seu stress excessivo. O tratamento do mau hálito deve buscar tratar não só da halitose e suas consequências (insegurança, baixa autoestima, etc.), como também, sempre que possível, tratar ou orientar sobre as causas indiretas do mau hálito, no caso, o stress.

Compartilhe

Comentários

Deixe seu comentário abaixo.